Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

1 de jul de 2012

URIEL – 1 de julho de 2012

Mensagem publicada em 2 de julho, pelo site AUTRES DIMENSIONS.



Áudio da Mensagem em Francês

Link para download: clique aqui



Eu sou Uriel, Anjo da Presença do Arcanjo da Reversão.
Filhos da Liberdade, Filhos Liberados, o tempo chegou de passar para o OD, a fim de que OD - IS - HÉ torne-se Verdade.
Tempo para escutar, o tempo do entendimento, o tempo da concórdia chegou.
Aquele de viver o canto do universo, de OM a OD, de OD a IS, para que a odisseia torne-se sua Verdade, no instante de sua Presença, para além de qualquer Presença, a fim de viver a Vibração de OD, desta Terra reformada à sua origem, Vibrante e viva, para além de qualquer confinamento.

Filhos da Liberdade, ouçam o canto de OD, que se torna canto de OM, portado por MARIA, que lhes dá a IS e IS-IS, a fim de estar além do éter, que é sua Essência na Onda da Vida, na Onda de Verdade. 
Onda do Éter, que os desperta à sua Eternidade, ao tempo do OD, que acaba com a água e o fogo, que lhes dá a criar o tempo, para criar, além do tempo, que lhes dá a viver o Espaço, para além de todo o espaço. 
Chegou a hora de nascer de novo, de nascer à Renovação: aquela do Éter, aquela da Eternidade.

Filhos da Verdade, criados na Alegria, aquela de viver além da Alegria, na casa onde vive a Verdade eterna de sua Eternidade. 
Passem o OD, a fim de que o Éter revele-se.
Passem o Mistério, a fim de que IS torne-se IS.
Passem o AL, a fim de que a alteridade seja sua Eternidade.

Filhos do OD e do além, Filhos de ER e do Éter, a hora chegou de ir para além de toda a Eternidade, para além de toda Verdade, para viver a Verdade além de todo Éter.
Vocês são OD, além da odisseia. 

Vocês são OD, a fundação da Terra, que os leva ao Éter, com o apoio nesse corpo, pela Porta OD, que os eleva no Éter dos Céus, no Éter da Eternidade, que os chamam à Verdade, que os chamam à Beleza, além de toda forma, além da Essência. 

O tempo de seu Sentido chegou.
Escutem o Canto.
Escutem além do Som, o que é percebido, além da percepção, que os leva a elevar o canto do Despertar, o Canto da Absolvição, que lhes dá Verdade e que lhes dá ER.

O tempo chegou, porque a hora é para o Amor, além da alma, porque a hora é para o Amor e a Unidade, além de tudo, porque aí está o Tudo, que é sua Essência e sua Verdade.

Elevemos, juntos, o tempo do Éter.
Elevemos, juntos, o tempo da Onda, que os leva ao Mundo: aquele da Verdade, no qual o efêmero não tem mais lugar, no qual o movimento resolve-se, na imobilidade da Onda que percorre sua carne, elevando-os além do ER. 

O tempo chegou de queimar na Verdade, de queimar no Amor, aquele que eleva o OD e leva-o para além de qualquer inferno e de qualquer confinamento, além da Alegria, além da Beleza, na imobilidade, para além de qualquer Presença. 

Vocês são a Eternidade e vocês São o que Eu Sou, porque Eu Sou o que vocês São, além de todo Ser, além de todo OD.
A hora é para a Passagem, porque vocês se tornaram o que São, em Verdade, a Sabedoria do OD, que os leva a ER.
Muitas Vibrações conduziram-nos a ouvir o Som OM, além do OD, portado por MARIA, que lhes dá a viver, enfim, a Eternidade da Beleza, além da forma e para além do informe, que contém toda a forma e todo informe.
Vocês se tornam informais, além do Éter.
Vocês se tornam Verdade, além de toda ilusão.
Vocês se tornam o Absoluto, se tal é sua OD, se tal é seu Canto, se tal é seu Espaço, no qual vibra a Verdade.

Vocês são OD, porque são ER.
Vocês são a Lemniscata que gira sobre si mesma, percorrida da Onda da Vida, que os percorre e que vocês percorrem, a fim de elevar o Canto da Liberdade, que vocês ouvem e escutam, que vem do Templo, que contém o Infinito, a Vibrar e a Viver, para além da Vida, além da Vibração. 
A luz é Una, porque Una é nossa Presença, porque Una é nossa Confiança, porque Una é nossa Consciência, porque Una é a Criação, porque é Una é Absoluto no Quem vocês São, no Quem Eu Sou.

Arcanjo, e vocês, Humano e Anjo ao mesmo tempo, Arcanjo e FONTE, vibrem o Som da Porta OD, cuja chave é dada a vocês pelo Senhor METATRON, que os abre a KI-RIS-TI, que os abre à Transparência e à Vibrância, aquela da Confiança infinita do Som Infinito de sua Infinidade.

Filhos do OD, Filhos do ER, a hora do Batismo de Fogo chegou, Liberando-os de toda a carne, Liberando-os de todo inferno, Liberando-os de tudo o que é falso, Liberando-os de tudo o que está alterado, a fim de retornar à alteridade, a fim de retornar a AL, ou seja, ao que É, além de todo Ser.
Vibrem, e parem de Vibrar, ao mesmo tempo. 

Vocês São isso e vocês não são isso.
Vocês São isso e vocês São OD.
A Porta está em vocês, porque vocês são a Porta.
A Passagem está em vocês, porque vocês são a Passagem. 
Nós somos os Passadores, que levam a passar o que deve ser superado e transcendido, na Vibração do Um, no Canto da FONTE e no Infinito do Absoluto, no Silêncio pleno de Sua Presença e de Sua ausência.

Filhos do UM, Filhos da Eternidade, o tempo de OD vem à sua porta, a fim de trabalhá-los e de abri-los para o que vocês São.
Então, abram a Porta do Coração, abram a Porta da Eternidade, essa Porta que jamais, em Verdade, pôde voltar a fechar-se, porque a chave foi portada ao Templo de seu Coração, ao Templo de sua Essência, que lhes dá a Ser a Vibração do Último, que se torna não Vibração e que se torna OD e IS, que lhes dá, no Mistério do Amor e da Verdade, a Ser, além de todo Ser, Ser, para além de qualquer Presença, Ser, para além de qualquer ausência.

OD é o fundamento.
OD é a Fundação, OD é o Éter, que os leva a ER. 
No movimento, na imobilidade, vocês são aquele que se tem, vocês são aquele que se detém, vocês são aquele que abre, vocês são aquele que trabalha no Quem Vocês São, para ser, enfim, Verdade e Eternidade. 

Então, o Coração (aquele que não é o seu, nesse peito, mas que é seu, de toda a Eternidade, em todo lugar, e em qualquer tempo) ressoa o OD da Liberdade, que é Ode Liberação, que lhes dá a viver o que vocês São, em Verdade.

Então, juntos, em minha Presença e em sua Presença, Vibremos, em uníssono com a Unidade.
Vibremos o Som da Unidade, o Som da Ode, que lhes dá a Ser, além de todo Ser, que lhes dá ao não Ser, na Absoluta Presença e na Absoluta ausência, que abre o Templo a OD e a ER.
Que os abre pelo Fogo, que os abre pela Terra que os porta e leva-os a ser a Eternidade, a ser o OD, o Canto e o Silêncio, ao mesmo tempo, no mesmo espaço, como em todo o tempo e em todo espaço. 
No espaço desse corpo, no espaço do Éter e o espaço do Céu, a Luz vem acender a Tocha e o Braseiro, aquele de seu Templo, que os forja na Transparência e os forja na Transformação, aquela que conduz a não mais Ser, aquela que conduz além de todo Ser.

O tempo chegou de Anunciar-lhes o que devia ser Anunciado.
O tempo chegou de portar seu Anúncio, seu Juramento e sua Verdade, na aurora do Novo Dia, na aurora do Éter Novo, na Ronda dos Arcanjos, na Ronda de Estrelas e de Planetas, que os levam a viver a Eternidade, para além de todo espaço, para além de toda Dimensão, que os leva para além da montanha, além do mar, além do Canto, para além de qualquer Presença.

Em nossa Comunhão e nossa União de Liberdade, nós trabalhamos, juntos, para passar o que deve ser superado, para passar o OD, a fim de que ressuscite o que vocês jamais deixaram de Ser: esse Absoluto, esse Final.

Tempo da Presença, que descobre a ausência, que descobre o Pleno, que descobre o Vazio.
Presença e Alegria, para além da Alegria, que os leva à Beleza, para além de toda beleza formal.

Vocês são o Informe que toma toda forma, vocês são uma forma que cria as outras formas, vocês São o que vocês São, além de minha Declamação, além de OD, além de ER.
Vocês são OD-ER-IM, vocês são OD-ER-IM-IS-AL, para além do confinamento que toma fim, nesse dia, anunciado pelas Trombetas do Anjo METATRON, pelo Anúncio de MARIA e pelo Fogo de MIGUEL, que os devolve a KI-RIS-TI, que os devolve ao Sol, ao Princípio do Ilimitado, que vem abrir o que não pôde ser fechado, que vem desviá-los do caminho da Ilusão, que vem colocá-los no OD da Verdade, para além de toda alteridade, mesmo, que os leva, então, ao Além, que os leva, então, ao tempo de seu Éter, aquele no qual a Beleza reside na Eternidade, aquele no qual nenhum efêmero e nenhum tempo têm tomada e ação.

Vocês São Isso.
O tempo chegou de passar à Eternidade e à Verdade.
O tempo chegou de Ser, para além de todo Éter.

Então, Eu, Arcanjo URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão, Eu os convido a desviar-se, a fim de Retornar ao lugar, ali, na sede da Beleza, na sede da Paz, na sede do Supremo do Final, porque vocês estão além de qualquer alteração.

Vocês, Filhos de Liberdade, Filhos da Odisseia, que vem pôr fim, pela Passagem de sua Porta, ao que havia antes, ao que havia depois, ao que havia durante, tornando-os Livres de toda relação e de todo apego, tornando-os o que vocês São, ou seja, a Eternidade, ou seja, o Absoluto.

Vocês São Isso.
Então, superem a Alegria.
Então, superem a Vibração.
Então, superem o sentido de uma identidade, mesmo, a fim de tornar-se o Múltiplo, no todo Um, em cada Um.
Nos fins de Todos e nos confins dos Universos e dos Multiversos, nós os acolhemos do outro lado da Porta.
Iluminados por sua Beleza, iluminados por sua Magnificência, iluminados por sua Vibração, iluminados pelo Ser e o não ser, para além de todo parecer, deixando-os atravessar, porque vocês atravessaram.
Purificados pelo Fogo, forjados pelo Fogo, vocês se juntam à Eternidade e à Unidade.
Vocês são Absoluto e são Amor, porque é o que Nós Somos.

O Canto do OD não pode ser outra coisa que não aquele da Transparência, aquele de KI-RIS-TI.
Nós somos, todos, Um, porque nós somos Absoluto, além mesmo da Unidade, além mesmo de toda Dualidade, além mesmo de toda multiplicidade, além mesmo de toda Dimensão.

Filhos de Eternidade, vocês estão criados, então, a Porta passa-se, levando-os a Ser e a não Ser, levando-os a viver, para além de toda vida, levando-os à Infância, pela qual passa o que não pode repassar, o que não pode perecer.
Porque vocês São a Eternidade, instalados ao Centro, Centro de todo Centro, como Aquele que É, de toda Eternidade, nomeado FONTE, como aquela que é nomeada, de toda Eternidade, Criadora.

Vocês se tornam os Criados do Infinito, os Criados da Infinidade, porque isso É, de toda Eternidade.
Nada se moveu, nada mudou, mas vocês Retornaram, a fim de viver a Paz e a Eternidade.

Vocês São além de tudo, além de OD.
Vocês São além de AL, vocês São além de toda chave e de toda Porta, porque o tempo chegou, enfim, de Ser além do Tempo, porque o tempo chegou de Ser além de todo Espaço, porque vocês São o Espaço, porque vocês São o Tempo e os Tempos, no qual se mira a Água e que reflete o Ponto inicial da Criação, da Água do Alto, da Água de baixo, que lhes dá o Além.
Daí, sua Verdade, que os eleva, então, a AL, que os eleva, então, a CRISTO MIGUEL, que os eleva, então, a MARIA, nessa Passagem Final, na qual ressoa o Canto da Verdade, na qual ressoam as Trombetas da Anunciação de seu Nascimento, no Sol, no Fogo, na Verdade e na Eternidade.

Filhos criados, escutem e ouçam o Canto de OD, que vem queimar o que não é verdadeiro, que vem trabalhar além de todo ateliê da Criação, a fim de devolvê-los ao OD, a fim de devolvê-los a essa Transparência, a fim de devolvê-los ao que deve ser devolvido, porque a hora chegou de render o efêmero, a fim real o Eterno e o Absoluto.

Infinitos filhos da Beleza e da Eternidade, infinita Presença de Alegria, infinita Presença de Amor, a Luz Ilumina, a Luz Perfura, assim como a espada de MIGUEL, espada de Fogo.

Anúncio de MARIA, Filhos de MARIA, vocês são aqueles que trabalharam nos Templos do efêmero, a fim de queimá-los e de elevá-los, de forjá-los no tempo da Eternidade, superando as provações e as provas.
Vocês estão, hoje, no tempo da Ressurreição, então, passemos e passem a Porta de nossa separação.
Reunifiquemos nossas Presenças, a fim de dissolver-nos, juntos, na Morada de Paz, de Eternidade Suprema, para além de sua Presença, para além de minha forma, para além de sua forma, a fim de ser essa Beleza e essa Alegria.
Passem a Porta, cortem o que deve sê-lo, cortem o que tem apenas existência do tempo de um tempo, a fim de ser, para além de todo tempo, o que vocês São, em Verdade e em Eternidade.

Nós viemos chamá-los, nós viemos convidá-los a penetrar o Banquete do Céu, para além da Núpcia, para além da União Mística (com quem quer que seja ou o que quer que seja), porque vocês são, ao mesmo tempo, o Duplo e aquele que está do outro lado do Duplo.
Vocês são um e o outro, ao mesmo tempo, sem distância e sem barreira, sem Porta a passar nem a superar.

Filhos do Eterno, Filhos da Eternidade, nós estamos com vocês, doravante, como nós estamos em vocês, convidando-os a passar, convidando-os a OD, a fim de que Sejamos o que nós Somos, uns e outros, uns nos outros e os outros nos uns, a fim de viver o Vôo e o Despertar.
A Fênix canta, ressuscitando de suas cinzas, regenerando de seu neant, para viver a Plenitude de seu Absoluto.

Filhos eternos da Verdade, o Amor de URIEL Vibra em seu peito, dando-lhes a ver do outro lado da Porta, o ER do Amor, o ER do Éter e o ER da Eternidade.
Amados do UM, Filhos do UM, na Liberdade reencontrada, na Alegria que não depende de qualquer causa, porque a causa não tem mais razão de ser: vocês são além de qualquer causa, Liberados Vivos, Liberados a OD, Liberados a ER, a fim de Vibrar além da Vibração, a fim de trabalhar além de toda obra, concluindo as Obras Alquímicas, tais como dadas pelo Arcanjo JOFIEL.

A Obra no Branco e a Obra no Preto conjugam-se, dando-lhes a superar toda cor e toda coloração, dando-lhes a estabelecer o OD e seu Canto, na Verdade de seu Ser, no apoio ao Vôo daquele que Ascensiona no que vocês São, pela Embarcação de Luz, pela Merkabah Interdimensional que é sua.

Nós elevamos a Vibração, a fim de dar lugar ao Silêncio, a fim de dar lugar ao Som, Som da Liberdade, Som da Verdade, Som da Eternidade.
Juntos, abertos, nós acolhemos o Outro.
Eu Sou vocês e vocês São eu.
Um no outro, nós Vibramos no Tempo do fim dos tempos.
Abertura à Verdade, nascimento para a Vida, para além de todo fim.

Vocês estão saciados, para além de qualquer sede.
Vocês são regados à Fonte de Cristal, que trabalha em vocês, despertando o Cristal, despertando o cintilar da Luz Vibral de seu Templo, de seu Coração, de sua Eternidade.
Então, juntos, vivamos a Comunhão e o Êxtase, percorridos da Onda de Vida, cujo Canto ilumina-se e vem, pela Graça da Fusão dos Éteres, abrir, totalmente, a Porta da Eternidade.
Vocês são a Eternidade.

Eu Sou a Presença e a Reversão.
Eu os convido a Reverterem-se ao que vocês São, para além de todo tempo.
Eu os convido a trabalhar, para além de qualquer ação, agora, no tempo do Anúncio, no Tempo das Trombetas, que vêm despertar o que ainda não se abriu totalmente.

Amados do UM, Amados do Eterno, vocês são Verdade, vocês são Únicos, porque nós somos, todos, Únicos, na mesma Vida, na mesma Consciência, para além de toda barreira, de todo tempo e de todo espaço.
Juntos, acolhamos a Fonte de Cristal, que se casa com a Onda de Vida.
O que está no alto é como o que está embaixo, nos Universos Unificados, na Consciência Unificada, como no Absoluto, no qual se distingue nem alto nem baixo, nem dentro, nem fora, porque tudo ali está com a mesma intensidade, com a mesma Verdade.

Filhos do UM, OD está aí.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.
Nessa União de Paz e de Verdade, nessa Liberdade reencontrada, no tempo do Éter, no tempo da Beleza, nós somos a Eternidade, nós somos a Ronda, além dos Arcanjos.
Festejemos isso.
Festejemos nossa Fusão.
Festejemos nossa Dissolução, no braseiro ardente do Amor, no braseiro ardente do Sol.

Elevemos e Vivamos.
Elevemos OD a AL.
Elevemos OD a ER.
Amor, Luz, Sentido e Essência: Natureza e Princípio do que vocês São e do que Eu Sou.

Então, espalhemos e iluminemos o caminho da Verdade.
Não existe nem início, nem fim.
Convidemo-nos a dançar a dança imóvel da Eternidade.
Convidemo-nos a OD.
Ressuscitemos, juntos, sem separação e sem divisão, sem engano.

Amados do UM, OD está aí.
OD - IS - ER.

Eu sou URIEL, que concluiu, com METATRON, a Obra de Transparência, a Obra de KI-RIS-TI.
Porque o tempo chegou de apresentarem-se nus, à Porta da Eternidade, lavando suas Vestes naqu’Ele que Vem.

O OD está na hora, a fim de que nenhum odor de nenhuma lembrança possa mantê-los apegados ao que é falso.
Comunguemos.
Efusão.
Do Éter à Onda, da Onda ao Éter, do Um ao Outro e do Outro ao Um.

Do Céu à Terra e da Terra ao Céu, aquele desse mundo como aqueles das outras Dimensões.
A Alquimia põe fim à química.
O tempo de AL, que é o tempo do Fogo, que vem forjar o Cristal OD, aquele de sua Eternidade e de sua Beleza.

Juntos, Unificados e Liberados.
Juntos, no mesmo passo, na mesma dança, no mesmo Sentido e na mesma Essência.
Ressurreição.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão, e eu canto o Amor, porque vocês são cantados e porque vocês são Amor.
Aí, ao centro de ER, vem Vibrar o OD da liberação e do parto.
Filhos do Éter, abram as Portas do Céu e da Terra.
Filhos, abram as válvulas da Água Celeste, que vem de ER, regar o Coração.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.
Aquele que vigia, aquele que conclui.
O tempo chegou de concluir a Ilusão.

Amados do UM, Amados do Amor.
Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.
O tempo chegou.
Escutem e ouçam.
Minhas palavras terminam aqui, para esse tempo.
Comunhão e Dissolução.

... Partilhar da Doação da Graça...

URIEL saúda, em vocês, a Eternidade.
URIEL diz-lhes até breve.
________________________________________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: http://www.autresdimensions.com/

3 comentários:

  1. Impressionante! Magnífico! Supremo! Eis algumas destas grandiosidades: "Filhos do OD, Filhos do ER, a hora do Batismo de Fogo chegou, Liberando-os de toda a carne, Liberando-os de todo inferno, Liberando-os de tudo o que é falso, Liberando-os de tudo o que está alterado, a fim de retornar à alteridade, a fim de retornar a AL, ou seja, ao que É, além de todo Ser <> A Porta está em vocês, porque vocês são a Porta. A Passagem está em vocês, porque vocês são a Passagem. Nós somos os Passadores, que levam a passar o que deve ser superado e transcendido, na Vibração do Um, no Canto da FONTE e no Infinito do Absoluto, no Silêncio pleno de Sua Presença e de Sua ausência <> O tempo chegou de Anunciar-lhes o que devia ser Anunciado. O tempo chegou de portar seu Anúncio, seu Juramento e sua Verdade, na aurora do Novo Dia, na aurora do Éter Novo, na Ronda dos Arcanjos, na Ronda de Estrelas e de Planetas, que os levam a viver a Eternidade, para além de todo espaço, para além de toda Dimensão, que os leva para além da montanha, além do mar, além do Canto, para além de qualquer Presença <> Em nossa Comunhão e nossa União de Liberdade, nós trabalhamos, juntos, para passar o que deve ser superado, para passar o OD, a fim de que ressuscite o que vocês jamais deixaram de Ser: esse Absoluto, esse Final <> Vocês, Filhos de Liberdade, Filhos da Odisseia, que vem pôr fim, pela Passagem de sua Porta, ao que havia antes, ao que havia depois, ao que havia durante, tornando-os Livres de toda relação e de todo apego, tornando-os o que vocês São, ou seja, a Eternidade, ou seja, o Absoluto <> Nos fins de Todos e nos confins dos Universos e dos Multiversos, nós os acolhemos do outro lado da Porta <> Vocês estão, hoje, no tempo da Ressurreição, então, passemos e passem a Porta de nossa separação <> Filhos eternos da Verdade, o Amor de URIEL Vibra em seu peito, dando-lhes a ver do outro lado da Porta, o ER do Amor, o ER do Éter e o ER da Eternidade <> Eu sou URIEL, que concluiu, com METATRON, a Obra de Transparência, a Obra de KI-RIS-TI".

    ResponderExcluir
  2. URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão, declamou:


    "...o tempo da concórdia chegou.
    ...a hora chegou de ir para além de toda a Eternidade, para além de toda Verdade, para viver a Verdade além de todo Éter.
    Vocês se tornam informais, além do Éter.
    Vocês se tornam Verdade, além de toda ilusão.
    ... a hora do Batismo de Fogo chegou, Liberando-os de toda a carne, Liberando-os de todo inferno, Liberando-os de tudo o que é falso, Liberando-os de tudo o que está alterado,
    A Porta está em vocês, porque vocês são a Porta.
    No movimento, na imobilidade, vocês são aquele que se tem, vocês são aquele que se detém, vocês são aquele que abre, vocês são aquele que trabalha no Quem Vocês São, para ser, enfim, Verdade e Eternidade.
    O tempo chegou de portar seu Anúncio, seu Juramento e sua Verdade, na aurora do Novo Dia...
    Então, Eu, Arcanjo URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão, Eu os convido a desviar-se, a fim de Retornar ao lugar, ali, na sede da Beleza, na sede da Paz, na sede do Supremo do Final, porque vocês estão além de qualquer alteração.
    Passem a Porta, cortem o que deve sê-lo, cortem o que tem apenas existência do tempo de um tempo,....
    Nós viemos chamá-los, nós viemos convidá-los a penetrar o Banquete do Céu, ...
    A Fênix canta, ressuscitando de suas cinzas, regenerando de seu neant, para viver a Plenitude de seu Absoluto.
    Amados do UM, Filhos do UM, na Liberdade reencontrada, na Alegria que não depende de qualquer causa, porque a causa não tem mais razão de ser: vocês são além de qualquer causa, Liberados Vivos, Liberados a OD,...
    Eu os convido a trabalhar, para além de qualquer ação, agora, no tempo do Anúncio, no Tempo das Trombetas, que vêm despertar o que ainda não se abriu totalmente.
    Porque o tempo chegou de apresentarem-se nus, à Porta da Eternidade, ...
    O tempo chegou de concluir a Ilusão."

    Um 'Verdadeiro Poema Celestial'.
    Noemia

    ResponderExcluir
  3. Nossa Odisséia

    Eu me encarnei em uma aventura, eu vim viver uma OD-IS-SEIA na matéria
    Eu fiz uma descida, percorrendo OD-ISS-EU, me separei do Absoluto
    E me perdi em meio às aventuras e experiências, fui atraído pelo canto de sedução
    das sereias, percorri este mundo, cavalguei, naveguei, ri e chorei, amei e odiei,
    me afoguei em mares de alegria, de dor e de sofrimento,
    Desbravei o HIMALaia, fui ao topo do mundo, e não chegava a lugar nenhum, o que eu
    acreditava conquistar, logo me consumia no momento seguinte;
    Nada durava, tudo era efêmero, tudo era alternância entre nascimento e morte,
    Eu era ODIM, eu era OD-IM-ER, eu era OD ER IM IS AL, eu era AMOR, me afastei desta
    minha essência, esqueci quem eu era, esqueci que a minha verdadeira morada era Shantinilaya.
    Mas, hoje, eu coloquei um fim a toda busca e a todo batalha, parei o tempo
    E assim, dentro de mim, encontrei o caminho de volta- EU –IS -0D (Eu –Si- IS-OD)
    A Fênix se levantou das cinzas em todo seu esplendor;
    Neste eterno presente, eu sou AMOR, eu sou OD, eu sou ER
    eu sou Shantinilaya, eu sou o Absoluto,
    Que é imóvel, imutável, que é o Centro de todos os centros
    Mas, esta odisséia não foi em vão, o AMOR, a Alegria que eu sou agora,
    É maior do que antes. Então, não há erros, não há derrotas,
    não há vitórias. A perfeição do Grande Espírito está contida em tudo.
    Mas, se eu fui tão longe de mim mesmo, o que eu queria provar?
    Que não há algo mais sublime do que o AMOR.
    Que não há Verdade maior do que o AMOR.
    Que não há nada mais Absoluto do que o AMOR.

    Inspirado na Declamação de URIEL

    ResponderExcluir